2018 E OS DESAFIOS DO VAREJO

2017 não foi um ano fácil para o varejo, e olha que não estou falando só do Brasil. Quem não se lembra, logo no início do ano, as inúmeras baixas no cenário americano. De RadioShack, a Macy’s passando por Urban Outfitters ,Payless, entre tantos outros.

Também nos lembramos das soluções que os donos das lojas vazias, passaram a usar para encarar a grande oferta e baixíssima procura, alugando as lojas por dia, para pequenos empresários, originários do mundo digital, que tivessem interesse em estar cada dia em um lugar diferente, sem compromisso a longo prazo.

No Brasil, também tivemos um dos piores anos para o varejo, os motivos formam os mesmos que já atingem o mundo, agravados por uma grande crise política e econômica que parece não ter fim. Dizem os especialistas que o Brasil só começa a se reerguer a partir de 2020.

Mas na verdade o meu ponto aqui diz respeito à inércia dos varejistas, que mesmo estando frente a frente com uma onda avassaladora, com a força de um Tsunami, não deram sequer o primeiro passo para a mudança.

Precisamos provocar, precisamos nos movimentar, precisamos olhar nossos negócios sob nova perspectiva, em como as tendências tecnológicas, as mega tendências e as tendências das indústrias estão dando um novo direcionamento para a transformação digital do varejo.

Parar, respirar, e sentir o que está acontecendo é fundamental. Não dá mais para ficarmos anestesiados, repetindo o que sempre foi feito, ignorando a ascensão do e-commerce, as plataformas de marketplace, os modelos de assinatura de produtos, por exemplo. Se entendermos que toda essa mudança é apenas complementar, e que qualquer um consegue embarcar, deixaremos de ver o quanto ela é disruptiva e o quanto pode destruir totalmente o varejo tradicional.

E quem é o grande vilão de toda essa mudança? Muitos dirão que é a Amazon, mas na verdade não é. O descaso com os movimentos da Amazon, esse sim, é o responsável pela quebra de tantas empresas. Ter ficado assistindo de camarote, sem ao menos se questionar sobre o que estava acontecendo, foi o grande erro. E atenção, porque atualmente a Amazon nem está mais se posicionando como varejo! A Amazon agora entra na concorrência com o Google, e vários outros veículos, capazes de vender espaços publicitários com grande eficiência. Exatamente. As empresas hoje em dia, não SÃO, elas ESTÃO.

Bom se não é a Amazon, então que é o grande vilão, se é que podemos chamá-lo assim?

TECNOLOGIA – Essa sim, é ela que está transformando cada empresa, cada varejo, em uma empresa de Tecnologia, que vai promover toda essa transformação digital, desde promover uma melhor experiência do usuário, tomar decisões centrado nas decisões desses mesmos usuários e escalar tudo isso, para além das fronteiras até então determinadas. Isso tudo sob o pilar da tecnologia digital, online e integrada num varejo omni channel.

Parece fácil, parece até obvio, mas essa mudança é muito mais complexa do que se pode imaginar, ela passa por mudar de dentro para fora, ela passa por rever modelos de negócios, quebrar paradigmas, abrir mão de história, de dados do passado, de começar do zero, ela passa por horizontalizar decisões, ela passa por estudar novas fontes de receitas, aceitar novas despesas, trocar investimentos de lugar, trocar pessoas de lugar. Ela também passa por equilibrar entre o que posso fazer agora, e o que terá que esperar, e em como fazer esse “shift”sem deixar que o negócio pare de funcionar. Desenhar esse roadmap é um esforço de toda a empresa, se for solitário, se tiver um só dono, ele tende a fracassar, porque o que acontece nesses casos, é termos 3 a 4 áreas da empresa tomando decisões independentes, desconectadas, e que só fazem dividir opiniões, gastar dinheiro e perder a chance de realmente promover a mudança. O fim, bom… o fim está bem perto, então é bom se mexer!

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s